Compreensão incompleta sobre como comer direito engana as pessoas e empurra elas a adotar práticas erradas que marginalizam hábitos para a perda de peso saudável. Vamos rever os mitos mais comuns sobre a perda de peso masculina e aprender os fatos reais para combater os mitos, de forma a manter um emagrecimento saudável e rumo a uma saúde melhor.

Mito: a balança é um indicador ideal de perda de peso

Realidade: O uso freqüente da balança para julgar perda de peso não dá uma imagem verdadeira sobre sua perda de peso. Redução do peso na balança pode ser indicativo de qualquer perda de água, músculo ou gordura. A perda de água e músculo do corpo vai dar uma falsa crença de ter perdido gordura. Este, por sua vez, tem feito mais mal do que bem. Inadvertidamente, a perda de músculo pode na realidade reduzir a taxa metabólica do corpo e, assim, reduzir a taxa de perda de peso também. O estado de peso verdeiro só pode ser recolhida através do rastreamento de perda de gordura e ganho de massa magra. A extensão de perda de gordura pode ser obtida fazendo uma análise e avaliação corporal feita em intervalos frequentes por profissionais qualificados, como médicos e educadores físicos.

Mito: pessoas com mais de 50 não podem se exercitar mais

Realidade: Pessoas acima de 50 podem facilmente exercer de acordo com sua escolha, conveniência e conforto. O exercício não significa necessariamente caminhar rapidamente, nadar ou andar de bicicleta, mas exercícios simples como caminhar e Ioga são suficientes. Uma vez iniciado, uma pessoa pode, eventualmente, adotar um regime de exercício consciente diário mais adequado para o seu tempo e nível de conforto. O exercício, por mais simples que seja, pode desenvolver uma visão positiva e melhorar a qualidade de vida. Um regime de exercícios personalizado pode ser construído com a ajuda de um especialista em fitness.

Mito: produtos da perda de peso podem ser uma solução rápida para perder peso

Realidade: não existe um produto já existente que pode reduzir o peso de forma segura e mantê-lo permanentemente. Perda de peso com produtos altamente popularizados e comercializados, não são comprovados por métodos científicos nem práticos. Às vezes eles te ajudam a perder peso rapidamente quando substituindo uma refeição, uma dieta da moda ou alguma pílula, mas isso prova ser de curta duração e não são capazes de sustentar a perda atingida. Acima de tudo, a maioria tende a perder músculos e água do que gordura e, assim, sucumbem a problemas de saúde e não o resultado apontado.

Alguns procedimentos ajudam na tonificação do corpo, mas são muito caros e para manter-se com o peso atingido e a pessoa tem que, em última instância, recorrer a um regime de exercícios de tonificação padrão que novamente trabalha com auto-motivação e trabalho duro. Aprender os princípios alimentares corretos e colocar-se a um regime de exercício regular é a única solução para a perda de gordura permanente e ganho muscular. Uma perda lenta e constante de 2 a 4 kg por mês é o mais preferido. Apenas em casos EXTREMOS os medicamentos aprovados para emagrecimento são recomendados. Por extremos, dizemos a obesidade mórbida, como exemplo.

Mito: estou consciente sobre a inclusão de alimentos com baixo teor de gordura na dieta diária, mas incapaz de perder peso

Realidade: Um pode estar comendo menos gordura e tendo uma porcentagem reduzida de calorias provenientes de gordura na dieta, mas na totalidade da ingestão calórica pode ainda ser maior do que a produção total de calorias. Para atender aos objetivos dietéticos, é preciso observar a ingestão calórica total. A maneira mais eficaz para manter o peso é ficar ativo. Comer grandes porções de alimentos anula os esforços para controlar a ingestão de gordura e açúcar também. Você deve procurar comer pequenas refeições densas de nutrientes ao invés de grandes porções de comida densas em calorias. Deve-se refletir sobre a densidade de nutrientes dos alimentos, em vez de apenas densidade de gordura ou calorias.

Mito: os produtos lácteos devem ser eliminados logo na perda de peso

Realidade: Não é preciso eliminar os produtos lácteos em uma dieta de redução de peso, pois eles são a maior fonte de cálcio, necessário para várias funções do corpo. Os produtos lácteos também são ricos em proteínas de boa qualidade e vitaminas B, A e D, que são muito essenciais para vegetarianos. Acima de tudo, alimentos ricos em proteínas facilitam a perda de gordura. Portanto, os produtos lácteos de alta gordura devem ser substituídos por suas alternativas de baixa gordura já que eles ainda têm os nutrientes essenciais com menos calorias e vestígios de gordura.

Cuidados a se tomar com o emagrecimento

O principal cuidado que você deve ter ao tentar emagrecer são as propagandas. Na foto, uma propaganda antiga de cintas vibratórias para emagrecer, que foram comprovadas como quase que ineficientes. (Foto: www.webmd.com)

Mito: batatas, arroz e pão só engordam

Realidade: Este é o maior mito sobre a perda de peso. É o método de cozinhar e as coberturas altas de gordura ou os molhos que fazem certos alimentos engordarem. Uma colher de sopa de manteiga, margarina, maionese ou óleos adiciona 100 calorias. Quando os itens de alimentos, como batatas, arroz e pão são consumidos em quantidades recomendadas, então eles são tão bons quanto qualquer outro alimento saudável. No entanto, é recomendado que você coma pães e arroz integrais para aproveitar a maior quantidade de fibras.

Mito: comer menos refeições ajuda a perder peso

Realidade: Saltar refeições e com a expectativa de perder gordura é a noção mais tola ao tentar perder peso. Ela só resulta em uma perda de energia, o que eventualmente afeta a saúde e bem-estar. Com jejum e grande distanciamento entre as refeições, a pessoa tende a perder apenas músculos e água. É aconselhável comer alimentos ricos em proteína, como as leguminosas, feijão, ovos e leite com pouca gordura para ser magro e bem torneado. A mudança completa do estilo de vida é o que é necessário afim de manter o peso de forma permanente.

Mito: oleaginosas e frutas secas engordam

Realidade: Quando buscando a perda de peso com um regime, as pessoas tendem a evitar as oleaginosas e frutas secas completamente. É comum pensar nelas como algo engorda. Mas, na realidade oleaginosas são ricas fontes de gorduras monoinsaturadas e vitaminas E, K e do mineral Magnésio, que são extremamente benéficos para o coração. Elas são ricos em proteínas e fibras também. Apenas uma pequena quantidade é altamente gratificante e enche com facilidade, te deixando com menos fome. Portanto 25 a 30 gramas por dia de oleaginosas mistas (nozes, amendoins, amêndoas etc) pode constituir um lanche extremamente saudável. As frutas secas, como tâmaras, passas, figo, damasco pode ser excelentes substitutos para sobremesas e doces gordurosos.

Mito: a perda de peso é impossível por causa de viagens frequentes

Realidade: Se alguém está comendo a maior parte do tempo é essencial para saber como fazer a escolha certa. Deve-se ser capaz de analisar os ingredientes de um prato e pedir modificações no método de cozimento ou na escolha de ingredientes. Por exemplo, você pode pedir uma salada sem molho, escolher sopas que não são a base de creme de leite, escolher mais de molho com base vegetal, escolher alimentos integrais, escolher sanduíches vegetais ao invés de alimentos carregados de gordura.

Pode-se recorrer a nozes, frutas, líquidos, produtos lácteos como lanches quando você estiver viajando. Onde quer que esteja, um esforço consciente para comer menos e de forma leve e de forma equilibrada, com exercícios constantes, vai te levar a uma perda de peso consistente e constante.

Mito: alimentos com baixo teor de gordura tem sempre mau gosto

Realidade: Na realidade, os alimentos preparados com menos óleo ou gordura podem ser tão saborosos quanto a preparação padrão. O uso de requeijão light, molhos mais leves, leite desnatado em vez de creme de leite em molhos, além de nozes para saladas, pode deixar sua comida muito mais saborosa com o tempo. Eu, por exemplo, não consigo mais comer requeijão normal por gostar e sentir muito mais sabor no requeijão light. Escolhendo lanches no vapor, sanduíches saudáveis, saborosos grãos integrais e lanches como pipoca, frutas e saladas de vegetais, faz sentido para um regime de perda de peso saboroso, com menos gordura.

Uma vez que a consciência de saúde entra na cabeça de uma pessoa, se torna automaticamente mais fácil e criativo fazer as modificações de alimentos, tornando possível alcançar resultados perfeitos em termos de nutrição e sabor. Este estilo de comer, eventualmente, torna-se um modo de vida, te dando mais saúde e o corpo que você tanto busca.

Você já teve desafios ao tentar emagrecer? Quais mitos você acreditava antes de começar a emagrecer? Como você superou estes mitos? Compartilhe sua experiência e ajude outros leitores a buscarem uma vida mais saudável.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)