Quem já viu suplementos BCAA já deve ter se perguntado o que é a valina na fórmula de alguns deles. Principalmente quem se preocupa com o que está colocando dentro de seu próprio corpo, é importante conhecer o que é a valina e qual sua função no corpo.

O que é a valina?

A valina é um aminoácido necessário para a saúde humana. É conhecido como um aminoácido de cadeia ramificada (BCAA). Este aminoácido funciona como um estimulante e promove o reparo muscular.  Este é um dos três BCAAs que são necessários para que o corpo humano funcione corretamente. Leucina e isoleucina, em combinação com a valina, representam 70% dos aminoácidos presentes nas proteínas do corpo humano.

Função da valina

A valina é responsável por incentivar o crescimento humano normal, reparar o tecido e regular o açúcar no sangue. A falta desse aminoácido resulta em diminuição do funcionamento mental saudável. Além do desenvolvimento muscular saudável, este aminoácido pode ajudar a prevenir a perda de tecido muscular em pacientes com diabetes. Ele também desintoxica a amônia no organismo com a ajuda do alfa-cetoglutarato. Isso pode impedir que pacientes hospitalizados e idosos sucumbam à toxicidade da amônia. Sugere-se que este aminoácido também pode auxiliar no tratamento de danos hepáticos e cerebrais causados ​​pelo álcool.

Onde encontrar a valina

Suplementos BCAA geralmente contém a valina em sua composição, sendo muito usados por quem está tentando atingir objetivos fitness. (Foto: Madrugão Suplementos)

Alimentos ricos em valina

Alimentos como peixes, queijo cottage, aves, cogumelos e arroz integral são todos altos neste aminoácido. O consumo saudável desses alimentos em uma dieta balanceada vai garantir que você receba a quantidade necessária de valina para os processos normais de seu organismo.

Por que a valina é importante?

Esta substância é conhecida como um aminoácido essencial, o que significa que o corpo não pode produzir por conta própria, e que fontes dietéticas são necessárias. É possível de ser deficiente no aminoácido, apesar da abundância de fontes naturais disponíveis. Indivíduos em dietas com baixo teor de gordura e aqueles que fazem um grande treinamento de força podem precisar de suplementos, pois podem não estar obtendo o suficiente em seus alimentos, ou podem superar sua capacidade de reparar o tecido muscular. A falta disso no corpo humano pode causar danos nos nervos, degradando as coberturas de mielina dos nervos, o que pode levar a distúrbios neurológicos.

Cuidados com o excesso de valina

Um excesso de valina pode dar origem a alucinações e prejudicar a função hepática. Uma condição pode ocorrer quando o corpo humano é incapaz de metabolizar valina ou qualquer outro BCAA. Esta condição faz com que a urina tenha um cheiro de xarope. Complementos de BCAA adicionais não são recomendados neste caso.

Valina como suplemento

Embora não haja evidência científica direta para apoiar a função de valina como um suplemento de crescimento muscular, é tomada por muitos fisiculturistas para esse fim. Se for tomado como suplemento, ela deve ser equilibrada com os outros dois BCAAs. A proporção recomendada é de dois miligramas de valina e leucina para cada miligrama de isoleucina. Vale lembrar que é importante só usar esse suplemento após consulta com um nutricionista ou nutrólogo, para garantir que não há qualquer exagero ou deficiência de vitaminas no seu organismo.

Dúvidas? Deixem as perguntas nos comentários abaixo. Estamos aqui para ajudar!

Marcadores: , ,
Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)