Comece com a pergunta certa: voltar com sua ex é realmente a melhor opção ou você está só carente? Talvez você esteja vendo de um modo romântico, mas de romântico ela nada tenha. Pense da forma mais objetiva possível, o quanto sua ex fazia para melhor a qualidade da sua vida? Talvez você esteja supervalorizando a sua ex-parceira porque você teme nunca mais encontrar alguém igual. Pense nas respostas para essas perguntas. Se você perceber que a resposta para essas perguntas é que você realmente gosta da sua ex, sem chance de ser uma simples recaída, então o trabalho de voltar com ela vai valer a pena. Mas tem que ser um trabalho bem feito, com dedicação da sua parte. Dá pra começar já sabendo o que você não deve fazer.

Como reconquistar a ex namorada: não implore e não chore

Qualquer comportamento que beire a humilhação pessoal ou que faça sua ex sentir pena de você devem ser evitados. Isso só vai contribuir para te tornar menor atraente, ou transformar qualquer sentimento de atração em ressentimento. Pode ficar parecendo que você se juntaram novamente, por exemplo, pelas razões erradas. Mantenha a calma. Uma tentativa de voltar um relacionamento não é o momento de expressar desespero.

Como conquistar a ex namorada: nada de joguinhos

Tentar conquistar sua ex fazendo joguinhos (provocando ciúmes, por exemplo) é o caminho errado. Jogo é para as crianças. Tentar sua ex ficar com ciúmes fingindo estar namorando outra pessoa pode inviabilizar certas coisas mais tarde, se você voltar seriamente com sua ex. Comporte-se em todos os momentos como o adulto que você é.

Como voltar com ex namorada

Quem quer voltar com a ex namorada pode conseguir, mas vai precisar de real vontade e dedicação para essa reconquista. (Foto: relationshipwrks.com)

Não faça chantagem emocional para manter o namoro

Gritar, chorar, ou ameaçar acabar com tudo se a sua ex-namorada vai voltar com você só vai fazer com que ela se sinta manipulada e pressionada. A chantagem emocional também irá provavelmente reforçar as razões pelas quais vocês terminaram. Reconciliação tem que ser longe desse tipo de sentimento.

Não diga, mostre que você mudou

Se sua ex namorada disse que o que ela sentia que faltava em você, você está considerando o que ela disse? Se ela disse, por exemplo, que você nunca a ouvia, então você passe a ouvir e fazer perguntas, aprendendo a mostrar interesse real na pessoa. As ações são mais importantes do que as palavras.

Peça desculpas a sua ex

Um amigo certa vez me contou como sua ex namorada tinha terminado com ele e quanto ele a queria de volta. Ela sempre falava com ele o quanto que ele tinha que estar certo o tempo todo. Sugeri que ele admitisse o erro e pedisse desculpas, sinceras. Isso não só funcionou como também fez com que eles se casassem depois. As pessoas se sentem respeitadas quando eles estão se desculpam com elas, e quando somos capazes de pedir desculpas nos tornamos muito mais propensos a manter relações.

Experimente um pouco de romance com sua ex

É muito fácil depois de um término você tentar lembrar dos momentos ruins que tiveram juntos. É nesse momento que você tem que ir contra a maré, e agir diferente, dando carinho, romance, lembrando dos momentos bons, tocar o coração da sua ex e mostrar que além desses momentos bons vocês podem fazer ainda mais coisas boas juntos. O romance continua, o amor também, e o carinho só tende a crescer.

Deixe o passado para trás e a comunicação no presente

O passado do casal deve ser deixado para trás de forma que vocês consigam superar as dificuldades e formar um relacionamento novo. Nesse relacionamento presente, a comunicação tem um papel essencial: construir o futuro de vocês. Esqueçam das mágoas, construam a relação forte, deixando claro o que vocês querem. E faça de tudo para fazer dar certo dessa vez.

Você já voltou com uma ex namorada? O que você fez para voltar o namoro? Foi difícil a volta?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)