Alguns homens acham um exagero a nova tendência masculina que surgiu de alguns tempos pra cá, a de fazer as unhas. Ora, mas fazer as unhas não significa pintar as unhas nem tirar a cutícula como as mulheres, significa deixá-las sempre cortadas, lixadas e limpas. Muitos optam por manicures justamente por não terem a habilidade necessária para se cuidarem sozinhos. Além de uma questão estética, é também uma questão de higiene e saúde, manter as unhas sempre curtas e limpas evita certos micróbios causadores de doenças. Um hábito danoso que deve ser vencido, e que a visita à uma manicure pode ajudar, é o de roer as unhas. Muitos homens têm esse hábito, e acabam deixando as unhas feias, extremamente curtas e no sabugo (aquela carne que fica embaixo da unha). Com as unhas sempre feitas e curtas esse hábito pode ser diminuído.

Como cuidar das unhas dos homens

Cuidando das suas unhas

Mas se de fato você relutar em visitar uma manicure, fique atento a esses cuidados básicos com as unhas:

  • Apare e lixe as unhas sempre que elas crescerem
  • Corte com tesoura e cortador de unha, mas não muito fundo, deixe ao menos aparecer uma tirinha da parte branca da unha.
  • Corte a unha sempre reta, dos pés e das mãos, para não correr o risco de ter unha encravada.
  • Não tire as cutículas, pois elas protegem suas unhas.
  • Limpe as unhas com um palitinho caso elas estejam sujas por dentro.
  • Pare de roer as unhas e de arrancar pelinhas com os dentes.

Agora, se você for um homem mais ousado e não se importa com as opiniões alheias, já chegaram ao mercado os esmaltes masculinos. Homens de outros países e alguns famosos já estão pintando as unhas com esses esmaltes. São das marcas Uslu e BB Couture. Um homem que foi flagrado usando esmaltes, e que não tem nada de efeminado ou gay, é o cantor Seal, marido da modelo Heidi Klum. Veja a foto!

Esmalte de unha masculino

Você usaria esmalte?

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)