Provavelmente você está entre aqueles que assistiu o vídeo da assessora parlamentar mas que nem se importa com o fato de ela ter sido demitida. E se ela fosse um homem? E se o vídeo fosse desse homem com uma mulher linda? Será que a história da demissão seria a mesma?

A sociedade é machista. E por estarmos tão acostumados a isso, deixamos passar muitos detalhes machistas. Aquela piada sobre loiras só é engraçada porque envolve mulheres. Afinal, o homem loiro é tido como exemplo de beleza e modelo a ser seguido. Achar que só porque uma mulher fez um vídeo picante ela não presta, é no mínimo preconceituoso, pois você não acha isso daquele seu amigo que tem fotos da mulher dele em momentos íntimos. Você na verdade o inveja.

Você é machista e, muitas vezes, nem sabe disso. Ser esse tipo de pessoa te impede a ser alguém melhor. Impede de ver o valor nas pessoas e até de ganhar aquela desejada promoção. As pessoas te farão companhia, mas querem ficar cada vez mais afastados porque você atrai confusões. Também não sabe escutar, afinal, você está sempre certo e tentando provar outros errados.

Machismo e violência

As agressões contra a mulher, notadamente em casos de violência doméstica, são extremos do machismo e que devemos evitar. O silêncio e nossa incapacidade de reconhecer o machismo como um problema sério pode ser fatal. (Fonte: womenselfdefensefederation.com)

Se falamos em trabalho então, as diferenças aparecem de forma mais gritante. Assumimos que trabalhar com mulheres é um martírio, mas pouco nos esforçamos para tornar este ambiente heterogêneo produtivo. Relacionamentos no ambiente de trabalho são difíceis. Na verdade, nos acomodamos com nossa opinião e não gostamos de mudar, porque isso exigiria esforços.

Na sociedade brasileira, não vemos esforços na direção da igualdade sexual. Preste atenção na quantidade de parlamentares homens e a quantidade de mulheres. E agora pense no seguinte: entre os países mais desenvolvidos no mundo, como a noruega, quase ou mais de 50% de seus parlamentos são compostos por mulheres. Faça as associações e veja onde nosso pensamento nos coloca.

Quando pensamos nos cursos de psicologia, letras, pedagogia, nutrição e alguns mais, automaticamente associamos ao feminino. Coincidentemente, são cursos que rendem um salário base muito menor do que outras profissões tradicionalmente masculinas, como engenheria. Se você reclama tanto da educação no Brasil, mas não luta pela igualdade de gêneros, pode manter a disparidade salarial e contribuir para a não melhora de nosso sistema educacional.

Pense em todas as vezes que sua mãe deixou de ir trabalhar por sua causa. Pense nas vezes em que ela, mesmo trabalhando, ainda tinha tempo para você. Sua mãe era multitarefa muito antes de isso ser vendido como serviço de smartphone. A jornada dupla, dona de casa e provedora de sustento ainda é uma realidade e que poucos de nós admitimos.

Casal feliz

Todo ser humano tem o direito de ser feliz. Nós, homens, não somos melhores nem piores do que ninguém. Somos iguais a todos. E quando reconhecemos nossa insignificância perante o sorriso das pessoas que amamos, conhecemos finalmente a plena felicidade. (Fonte: theboken.com)

Seu machismo impede que seus olhos observem além da pintura. No curto prazo, ser o homem durão que você sempre foi pode parecer sexy, mas o convívio levará a tristeza. Uma pessoa amigável, carinhosa, atenciosa e que sabe ouvir pode se tornar um grande amigo em um primeiro momento e, na sua crise conjugal, se provar como a melhor opção de companheiro. Seu julgamento: vagabunda, me trocou por outro, ao invés de aprender com o erro e crescer. Mais um exemplo de machismo.
Em alguns casos, o machismo pode ter raízes em traumas ou problemas pessoais. E se isso estiver atrapalhando muito sua vida, busque tratamento o quanto antes. Até sua dignidade pode ser perdida com isso.

Ao tentar mudar e reconhecer seu machismo, lembre-se que atitudes que põe o homem superior a mulher não diferem nem um pouco do extremismo talibã que não deixa as mulheres mostrarem nem uma parte de seus corpos. Acho que isso seria algo que você não gostaria, certo?

Reflita sobre isso quando chegar em casa. Pense como trate suas colegas de trabalho e sua companheira. Mude algumas pequenas atitudes e seja mais compreensivo. Acabar com o machismo no mundo é uma longa jornada, mas que te diferencia os meninos dos homens de verdade.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Um comentário para “Você é um homem machista?”

  1. Tancredo Madison Canuto Sena

    Todo excesso deve ser condenado.
    Assim como o machismo, nos moldes acima citados e bem expostos, o feminismo também deve ser condenado.
    Atualmente, vemos a todo o instante, alguém condenando atitudes e posturas, sem atentar para o fato de estar sendo radicalmente feminista ao extremo.
    Tudo deve estar lastreado no aspecto legal e nas premissas constitucionais, onde lastreia-se o direito. Tudo nasce ali, originalmente.
    Está de parabéns pela matéria, que deve ser considerada por nós, para que possamos respeitar cada gênero, como gostaríamos que fossemos tratados.
    Abraço.

    Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)