A pele nem sempre recebem muita atenção fora do contexto habitual do banho e hidratação. Isto é, até que uma erupção, inchaços, espinhas ou cistos aparecem como possíveis sinais de doença de pele. Estes sintomas podem, compreensivelmente, causar muita angústia. No entanto, eles podem ajudá-lo a conhecer as doenças de pele em geral. Muitas, incluindo a psoríase, seborréia, acne e rosácea são bem comuns.

Características das doenças da pele

Acne, uma das doenças de pele mais comuns, é extremamente comum nos adolescentes, mas ocorre em muitos adultos também. Sintomas incluem espinhas, cravos e, em casos mais graves, cistos abaixo da pele.

A psoríase, outra doença comum da pele, causa a produção excessiva e acúmulo de células da pele. Os sintomas incluem manchas vermelhas escamosas e cinzas em qualquer parte do corpo. Áreas de psoríase são geralmente secas e com coceira, e também podem ser doloridas. Esta é uma doença crônica da pele e pode ir e vir com sintomas leves ou graves ao longo da vida.

Seborréia também provoca descamação e erupções. No entanto manchas, da seborréia são tipicamente mais úmidas e oleosas do que da psoríase. Seborréia é muito comum no couro cabeludo, mas pode ocorrer em qualquer lugar.

Rosácea é muitas vezes confundida com acne regular, mas é uma condição distinta. A rosácea é caracterizada por áreas avermelhadas no rosto e pequenas espinhas. Uma diferença principal entre acne e rosácea é que espinhas e cravos são comuns com acne, mas não com rosácea.

Identificação

Já que a psoríase, seborréia, acne e rosácea são tão comuns e têm características distintas, o médico pode diagnosticar essas condições apenas pela visão. Se houver qualquer dúvida, ele pode ter algumas células da pele analisadas em um laboratório para o diagnóstico preciso e para descartar outras doenças.

Hidratação da pele

A maioria dos problemas de pele pode ser prevenido com cuidados básicos, como a hidratação da pele. (Foto: www.fashionbeans.com)

Prevenção e solução para os principais problemas de pele

Você pode ser capaz de diminuir os surtos de psoríase, mantendo o seu peso baixo, reduzindo o stress, e cortando fumo e álcool. Se você tem pele oleosa propensa a seborréia, a melhor prevenção é manter a pele limpa.

Acne pode ser prevenida pelo uso de drogas tópicas, mas estes nem sempre vai impedir totalmente, nem elas impedem as mais graves formas. Prescrição de medicamentos e alguns antibióticos têm sido úteis na prevenção de surtos.

Usar produtos de limpeza suaves e evitar qualquer coisa que possa irritar a pele, incluindo o extremo frio ou calor, pode ajudar a prevenir surtos de rosácea. No entanto, o que as causa podem variar de pessoa para pessoa e não é conhecida uma única medida preventiva que funciona para todos.

Tratamento

Não há cura para a psoríase. Existem tratamentos, no entanto, e estes incluem a terapia de luz ultravioleta e medicamentos orais para reduzir o inchaço e diminuir a produção pelo corpo das células da pele.

Surtos de seborréia no couro cabeludo podem ser tratados com shampoos. Algumas manifestações mais graves podem requerer medicamentos de prescrição.

Existem inúmeros tratamentos para a acne, mas os resultados destes variam muito de pessoa para pessoa. Medicamentos tópicos são, por vezes eficazes para acne em menor escala, porque estes tratamentos matam algumas bactérias e secam a pele. Acnes mais graves requerem geralmente antibióticos ou outra droga ou o tratamento tópico. Tratamento da rosácea é semelhante ao tratamento de acne.

Porém, nenhum tratamento deve ser iniciado sem a consulta médica com um dermatologista, que oferecerá as melhores formas de tratamento para seu caso específico.

Considerações finais

Se você usar qualquer tratamento sem consultar um médico, sua condição pode não melhorar ou piorar, você pode ter um distúrbio de pele diferente, ou uma condição subjacente, que precisa ser tratada por um profissional. Reduzir o estresse através de dieta adequada e exercício físico podem melhorar algumas condições de pele. Mas nada substitui a especialidade e profissionalismo de um médico.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)