Doenças sexualmente transmissíveis são as doenças transmissíveis das mais comuns ao redor do mundo. Ninguém que é sexualmente ativa é imune as mais de 20 doenças sexualmente transmissíveis identificadas. Não só existem muitas doenças diferentes que uma pessoa pode contrair, os sintomas mais comuns podem variar entre os sexos. Os homens devem responder imediatamente aos seguintes sintomas mais comuns de uma DST.

Secreção peniana

Um dos sintomas mais conhecidos de uma DST em homens são líquidos presentes no órgão genital. Gonorréia e clamídia são ambas caracterizados por descarga anormal da ponta do pênis. Esta descarga pode ou não ser acompanhada de desconforto ou prurido. Por essa razão, é importante consultar um médico se alguma descarga estranha aparece.

Secreção anal

DST pode ser transmitida para o ânus através de contato sexual anal, pele-a-pele e da partilha de brinquedos sexuais. Homens de todas as preferências sexuais devem tomar cuidado com infecção na área. Uma descarga anormal do ânus deve ser tratada com a precaução como a descarga peniana, pois pode ser um sinal de uma DST.

Dificuldade em urinar

Alguns homens podem sentir desconforto ao urinar depois de contrair uma DST. A sensação de dor ou ardor é comum com doenças como gonorréia e clamídia. Esses mesmos sintomas estão associados com uma infecção urinária, por isso é importante consultar um médico imediatamente e determinar a causa real.

Cuidados com a saúde

Homens, estatisticamente falando, são um pouco menos vulneráveis às DSTs do que as mulheres. Mesmo assim, somos transmissores e temos que nos responsabilizar por nossa saúde, não apenas pelo nosso bem estar mas de qualquer pessoa que esteja conosco. (Foto: revistabellezatotal.wordpress.com)

Queimação ou coceira na genitália

Um indicador de grave que um homem está sofrendo de uma doença sexualmente transmissível é uma sensação anormal de queimação ou coceira nos genitais. O pênis pode se tornar inflamado ao redor da uretra se uma DST está presente. Erupções cutâneas também podem ocorrer em qualquer ponto.

Verrugas genitais

Este problema pode desenvolver primeiro como um grupo indolor de saliências que podem ir e vir, sem tratamento. No entanto, este sintoma nunca deve ir ignorado. Papilomavírus humano pode causar verrugas a aparecer ao redor dos genitais e ânus. Apesar de mais de 70 tipos de HPV terem sido identificados, alguns estão associados ao câncer, que é por isso que o primeiro sinal de verrugas genitais deve ser levado ao conhecimento de um médico.

O que fazer? Como prevenir?

O mais importante é pelo menos uma vez ao ano consultar um urologista, tendo você tido relações sexuais protegidas ou não. Faça um exame de sangue completo a cada 6 meses para saber se alguma doença está aparecendo em seu sangue. Quanto mais você se cuidar, mais cedo você identificará a doença e mais chances terá da cura total. Quanto mais prevenido e precavido você for, melhor será para você e para todas as pessoas com quem você compartilha momentos íntimos.

Aviso legal

O conteúdo deste site tem caráter apenas informativo. NÃO receitamos ou prescrevemos substâncias ou tratamentos. NUNCA faça tratamentos ou utilize substâncias sem a indicação de um médico especialista.

2 comentários para “DSTs mais comuns em homens: como descobrir?”

  1. Vasco

    Tenho dst pois detetei umas verruguinhas pequeninas no penis… Gostava de saber se tiver relação sem preservativo se posso transmitir? Ou seja uma pessoa desde o momento em que tem dst mesmo depois do tratamento pode fazer sem camisinha…? Já não transmite?

    Responder
    • Equipe Beleza Masculina

      Vasco, sugerimos que consulte um especialista para tratamento personalizado.

      Responder

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)