Finalmente você decidiu sair da casa dos seus pais ou daquela república onde vivia. Decisão tomada, seu peito erguido, o orgulho lá em cima mas uma pergunta básica: o que eu preciso para morar sozinho? As compras são muito fáceis e básicas. Essa é a lista básica de sobrevivência:

  1. Microondas: a não ser que você planeje ter amigos e visitas todos os dias ou finais de semanas, opte pelos modelos de até 31 litros.
  2. Máquina de lavar: um modelo de até 7 kg dá conta do recado tranquilamente.
  3. Fogão: se você gosta de cozinhar, opte por modelos de 4 ou 5 bocas. 6 bocas são modelos praticamente inúteis, pois as bocas a mais não deixam muito espaço para panelas.
  4. PC/Notebook: filmes, música, facebook, trabalho, estudos. Independente do uso, são itens essenciais na casa de qualquer pessoa morando sozinha. E, caso não seja fã de televisão, o notebook se mostra um excelente substituto. Veja dicas de como escolher um notebook ou netbook que melhor lhe atenda.
  5. Cama e roupa de cama: nada melhor do que ter uma cama tamanho gigante e uma roupa de cama bem limpa. Sempre tenha pelo menos dois edredons e dois conjuntos de roupa de cama para não ficar sem enquanto um deles estiver lavando.
  6. Roupa de banho: você precisa muito, a não ser que queira se enxugar com sua camisa ou sair com o rosto pingando do banheiro após escovar os dentes.
  7. Sofá: se você quiser receber visitas, quaisquer que sejam, escolha um sofá confortável. Existem vários tipos e preços, inclusive alguns usados e muito baratos. Fica a seu critério a escolha do modelo certo.
  8. Armário/Estante: você provavelmente tem livros, decorações e presentes que ganhou e que quer deixar em algum lugar legal. No caso do armário, eles ficariam escondidos mas, de quebra, você tem um lugar para guardar suas roupas. Para guardar roupas você tem outras opções também, como móveis com gavetas e afins. Mas saiba o que vai te deixar mais confortável.
  9. Opcionais – TV/Secadora de roupas/Ferro de passar/Mesa de jantar/Rack: se você tem um vídeo game ou curte assistir esportes pela televisão, uma TV será uma aquisição necessária. Não vejo a necessidade de uma secadora de roupas no Brasil, um país tropical. Mas se achar necessário, vai fundo na compra. Ferro de passar é o mesmo, caso queira suas roupas sempre apresentáveis. Eu particularmente tenho pouco deste problema porque a maior parte das minhas roupas não precisa ser passada. Completando seus móveis, uma mesa de jantar e cadeiras para os visitantes poderem comer confortavelmente e um rack para colocar sua televisão. Todos estes itens depende da compra ou não de outros ou diretamente de seu estilo de vida. Pense bem antes de comprá-los sem necessidade, principalmente se for morar de aluguel: em uma mudança, você pode ter que vendê-los e perderá dinheiro.
Liberdade para morar sozinho

Uma das melhores coisas em morar sozinho é não ter de dar muitas satisfações para os outros. Você descobrirá posições no sofá que nem imaginava que existiam, já que sua mãe nunca deixava você testá-las. (Fonte: conflictingclarity.blogspot.com.br)

O valor total dessa lista irá variar entre R$5.000,00 e R$10.000,00 dependendo do quanto você quer investir e qual a qualidade dos itens comprados. Se você tiver uma grana sobrando para comprar tudo do bom e do melhor, vá e invista a grana porque vale a pena. Mas estou limitando esses valores para que vocês tenham uma idéia do quanto gastar sem estar abusando demais ou levando algum golpe. Faça muitas pesquisas pela internet. Quando vim morar sozinho, consegui poupar mais R$2.000,00 só por ter comprado tudo online. E ainda, quando os produtos estavam disponíveis nas lojas físicas, eu tinha uma margem de negociação que, em nenhum dos lugares, foi tão vantajoso quanto nas lojas online. Para comprar o fogão que eu queria, tive de esperar uns bons 6 meses até que ele estivesse em um preço razoável. Mas enquanto isso, o microondas fez um excelente trabalho. Às vezes ficar um tempinho a mais com os pais ou na república possa ser necessário até que você junte todos os itens básicos para morar sozinho. Mas quando você sai de casa, a liberdade conquistada é inigualável. Vários problemas desaparecem, mas alguns novos surgem. Precisamos estar preparados para cada um deles. Aprendemos a planejar e nos organizar melhor. Principalmente no aspecto financeiro. Agora que você já tem seus itens básicos de sobrevivência, seguem algumas dicas para a nova fase:

  1. Pague suas contas em dia ou coloque em débito automático: viver sozinho significa assumir responsabilidades. Para não se enrolar com seu dinheiro, pague sempre suas contas em dia para não ter serviços cortados ou problemas com juros. Preferencialmente, coloque tudo em débito automático, mas garanta que sempre vá ter dinheiro na conta nos dias certos.
  2. Mantenha a casa organizada: tendemos naturalmente a deixar as coisas de qualquer jeito. E aí, quando vamos ter visita é que resolvemos arrumar as coisas. Ou sequer pensamos nisso. Uma casa organizada é sinal de um morador saudável e que se importa com seu próprio conforto e o de seus visitantes. A não ser que você queira todos eles tendo uma crise alérgica com a poeira acumulada em sua casa.
  3. Faça compras semanalmente: primeiro, faça uma lista dos itens que você precisa. Depois, compre o que precisa semanalmente. Fazendo isso, você economiza. Quando fazemos nossas compras mensalmente, perdemos promoções da semana e compramos muitas coisas desnecessárias. As compras dos solteiros são bem diferentes das compras familiares. E em menor quantidade.
  4. Aprenda a poupar: morar sozinho pode reservar surpresas. No que tange o financeiro, você pode precisar fazer obras emergenciais ou uma dedetização. No caso de aluguel, o dono do imóvel pode pedir ele de volta e você tem que arrumar outro lugar pra morar. São situações delicadas e que vão te levar a gastar um dinheiro a mais. Além disso, se você poupar bem, pode no futuro deixar de depender do aluguel. Tenha foco em seus gastos e investimentos.
  5. Organize uma festa: comemore sua nova casa com uma festa bem organizada. Chame os amigos e amigas mais chegados para mostrar o novo cafofo. Divirta-se com eles e peça ajuda na organização da casa depois.
  6. Curta a solidão: ficar sozinho é muito difícil. Você tem de aprender a lidar com você mesmo e se entreter de formas diferentes. Leia mais livros, assista mais filmes e seriados, toque mais projetos pessoais.  Quem sabe, começar um esporte novo?Viver sozinho sempre é impossível, mas você tem que aprender a curtir um pouco da solidão para morar sozinho com saúde.
  7. Não abandone seu passado: nunca saia brigado de casa. Converse, chegue em um consenso, faça as pazes com seus familiares/amigos de república. Você irá sentir saudade e a primeira coisa que você fará é ligar pra essas pessoas ou visitá-las. Esteja bem com os outros para estar de bem consigo mesmo. Sua relação com a família/amigos pode até melhorar depois da mudança.

Tomando estes cuidados, você está no caminho certo rumo a morar sozinho. É uma arte. Todos podem fazer, mas só alguns podem tornar-se mestres.

2 comentários para “Morando sozinho – Dicas e o que comprar!”

  1. Warlen

    Tenho 17 anos, mas penso muito em morar sozinho lá pros meus 20 anos, gostei muito das dicas, principalmente das coisas que deve se comprar e das dicas como pagar as contas e fazer as compras.

  2. Amanda Ramos

    Gostei da última dica, no penúltimo paragrafo, parabéns!

Deixe um comentário

  • (não será divulgado)